quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Hall Of Fame do Rock N Roll - 2009

O Hall da Fama do Rock N Roll de 2009 foi muito bom, tive o prestígio de acompanhar pela televisão, você que estava procurando o canal e não achou, passou no canal de filmes Tnt.

Hall da Fama desse ano teve grandes participações como Jeff Beck fazendo blues com Sting e Buddy Guy ,posso dizer que o Jeff Beck fez o Madison Square Garden ir a loucura assim como a parceria entre o Metallica e o "Pai do Heavy Metal " Ozzy Osbourne.

Não acompanhei inteiro mas vi que foi uma grande festa com grandes nomes do Rock N Roll. U2 com Mick Jagger, Stevie Wonder tocando com o "Rei do Blues" BB.King. Bom, isso foi o suficiente para eu gostar do show que estava acontecendo. Para quem perdeu não perca o ano que vem, que vai ser melhor. Boas festas e até 2010.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Guns N Roses - The Ritz 88

Primeiro show ao vivo do Guns N Roses de toda sua carreira, e quem fez a cobertura foi a gloriosa Mtv. Para mim é um dos melhores shows do Guns, naquele dia a banda americana estava eufórica assim como os fãs que estavam presente. A banda tocou o álbum Appetite for Destruction inteiro contando com os três maiores clássicos da banda: "Paradise City","Welcome The Jungle "e badalada "Sweet Child O Mine", ali a marca registrada deles foi marcada com as roupas de Axl Rose, os riffs e solos matadores do Slash, talento e habilidade de Izzy e Duff, enfim, foi um show memorável que até teve camisinha pelo ar quando Axl Rose encheu uma e jogou nos fãs, teve cara saindo quase pelado do show e entre outras coisas que acontece e um show de Hard Rock oitentista.

Depois de um show empolgante e fervenete, Axl se joga na galera no final da musica "Paradise City"e os seguranças tiveram dificuldades para tirar ele, e quando tiraram ele não pensou duas vezes, pegou o microfone e continuou a cantar.Foi nesse show que o mundo estava descobrindo o talento da banda Guns N Roses. Se você gosta da banda, não perca.

Escola de Rock

O filme Escola de Rock é muito bom,eu recomendo para quem gosta desse gênero que deixa qualquer um louco.Sua história é ótima,sua trilha sonora é fantástica,além disso tem cenas que são muito engraçadas que fazem qualquer um tirar boas gargalhadas.Tudo começou quando um "folgado"( Dewey Finn ) interpretado por Jack Black foi mandado pra fora de uma banda.Como ele precisava do sucesso deles para sobreviver ele ficou "duro",precisando pagar o aluguel aonde morava.Até que um dia ele virou professor substituto para dar aula,ganhar uma grana e se mandar.Só que o substituto é dono da casa onde ele mora,e Dewey se fez passar pelo dono e conseguiu a vaga,claro,sem ele saber.No primeiro dia ele não fez nada no segundo também até que um dia ele começou a ensinar Rock N Roll,a unica coisa que ele sabe fazer.Começou a dar aulas de guitarra,ensinou as raízes do Rock surgindo,mas ele não conquistou os alunos,os alunos conquistaram ele até que ele formou uma banda entre eles,passando por grandes roubadas e participar do grande torneio de bandas.Compre e caia no Rock N Roll.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Let There Be Rock


Me poupe de escrever a biografia do AC/DC, é so voçe comprar essa obra de arte que a jornalista Susan Masino escreveu. Ela conheceu a banda durante a turnê de 1977, e ao longo dos anos ela permaneceu em contato com eles e viu de perto o AC/DC chegar ao estrelato internacional. O livro, que foi sucesso na Europa e Estados Unidos, traça a história da banda, desde seus primórdios, em Sydney, Austrália, no início dos anos 1970.

Autor: Susan Masino
Editora: Ibep Nacional
Pág: 292
Tradução: Barbosa,Alexandre

Vale a pena, sem dúvidas !

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Rolling Stones atrás dos palcos


Ron Wood - Tenho ótimas lembranças da noite em que eu e Mick Jagger fomos ver um show do Marvin Gaye em Nova York. Depois do show, fomos até a suíte de hotel dele e Mick tentou impressioná-lo com seu conhecimento de soul e outras coisas do gênero. Pelo menos é isso que Mick pensava que fazia. Depois de mais ou menos uma hora, nosso anfitrião disse: "Isso é ótimo, mas por que você não diz isso a Marvin? Ele vai chegar daqui a pouco.” Mick tinha falado com o irmão do Marvin, que usava o mesmo tipo de boina de tricô que ele.
Outro momento legal foi no início dos anos oitenta. Estávamos usando drogas no camarim quando, de repente, o gerente da turnê colocou a cabeça na porta e disse: “A polícia ( The Police ) está aqui ” Caraca! Entramos em pânico e jogamos as drogas na privada,dai Sting, Andy Summers e Stewart Copeland (do Police ) entraram pela porta ! ( Fonte - Whiplash ).

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Tirem as crianças da sala

Em um belo dia. Os integrantes do Zeppelin estavam aparentemente tão pervertidos que amarraram uma groupie em uma cama, e começaram a penetrar um pedaço de tubarão em suas regiões inferiores. Surpreendente mente há alguma verdade nisso ? O peixe em questão era muito menor, e o perpetuador de tudo foi o empresário de turnês do Led Zeppelin Richard Cole, será verdade ?

Autobiografia do Slash

"Parece exagero,mas não significa que não aconteceu"

Neste livro, Slash conta sua história desde a infância pouco convencional até o lançamento do segundo CD da banda Velvet Revolver, passando por sua adolescência revoltada, o início, o sucesso e sua saída do Guns N Roses, além de seus relacionamentos. Eu recomendo comprar esse livro, estou na metade e posso falar que é muito foda, a história dele é muito interessante.

“Sempre tive vontade de fazer as coisas do meu jeito; me droguei do meu jeito, livrei-me do vício do meu jeito, entrei e saí de relacionamentos do meu jeito. Levei a mim mesmo aos extremos da vida do meu jeito. E ainda estou aqui. Se mereço não estar é uma outra história.”

Eu recomendo !
Todos artigos são publicados por Guilherme M, exceto onde os autores são citados