domingo, 5 de fevereiro de 2012

Van Halen - A Different Kind Of Truth


O Van Halen anunciou em meados de 2011 que lançaria um novo álbum, trazendo novamente o vocalista David Lee Roth. Seu último trabalho foi 1984, um dos meus discos preferidos, tendo uma importância muito grande para história. Mas antes de lançarem A Different Kind Of Truth a banda fez Van Halen III, o único compacto que não trazia Lee Roth e Sammy Hagar nos microfones, e sim o músico Gery Cherone. 

É bom rever o Halen lançando novamente, apesar do baixista Michael Anthony não estar na história para fazer a formação clássica, Wolfgang, filho de Eddie se mostrou competente. O álbum começa com o single anunciando semanas antes do lançamento, " Tattoo ". A música reluz bem o disco ao todo, esta longe de ser uma obra - prima, mas tem o que o grupo sempre teve, charme, empolgação e aquele bom e velho Rock N Roll.

O barco toca e as faixas seguintes lembram muito a banda em seu ínicio. Os solos de Eddie misturados com os refrões de Lee Roth, sobre o peso da bateria do grande Alex Van Halen. Também me chamou muita atenção foi " Blood E Fire ", instrumental tocada por Eddie. Que bom que ele não esqueçeu de deixar sua parte, não é nada perto de " Eruption " e " Spanish Fly " e sim uma música praticamente só de riffs, típicos do Hard Rock. Sensacional.

E assim vai se alastrando Different Kind Of Truth, como o Van Halen sempre gostou.  É muito bom e recomendo sem dúvidas. Foi tudo o que a banda andou cultivando nos últimos anos, mas antes de ouvir o novo deles, sinta quando eu senti quando ouvi esse clássico abaixo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e sua opinião, pois é muito importante para nós. E lembrando que todos comentários serão analisados e respondidos.

Obrigado pelo comentário e Volte sempre.

Todos artigos são publicados por Guilherme M, exceto onde os autores são citados